DOIS PESOS E DOIS LIMITES

DOIS PESOS E DOIS LIMITES
Pr Flavio Vinha 

"Então Pedro, aproximando-se dele, disse: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu lhe perdoarei? Até sete?" (Mateus 18.21)

Pedro parece longânimo ao dar um teto (limite para perdoar), mas percebe que estavam bem longe disso, ao ouvir o conhecido "70x7".

A maioria de nós tenta impor um teto, um limite para a tolerância. 
Só aceito até tal ponto... só perdôo até "tantas vezes"...

Você já viu alguém impor limites para ser amado, respeitado ou ajudado? 

"olha, só me ame até certo ponto, mais do que isso não quero!"

Por que não usamos um teto para o nosso benefício? 

O apóstolo Paulo em 1 Coríntios 13.7 diz que "...o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta".

Pois bem, o termo "tudo" não exclui ou impõe um limite. Amar é uma decisão baseada na cruz, muito longe de sentimento ou predileção. 

Jesus nos ensinou através da cruz a amar e a perdoar. Coloque a cruz entre você e quem lhe prejudicou, e verá o sangue sendo derramado sobre o seu coração.
📖🙏📖🙏📖🙏📖🙏📖🙏📖🙏📖🙏📖🙏📖
DEVOCIONAL 
LEITURA DE HOJE: JOÃO 8
JEJUM: 01 DIA NA SEMANA 
ORAÇÃO: ESTAMOS.ORANDO NO MÍNIMO 20MIN POR DIA 

Comentários

Postagens mais visitadas